Publicidade

Posts com a Tag Boston Red Sox

segunda-feira, 16 de maio de 2011 MLB - Beisebol | 17:43

DAVID ORTIZ BUSCA O CARINHO DOS TORCEDORES DOS YANKEES NAS RUAS DE NOVA YORK

Compartilhe: Twitter

Encontrei um video no site da MLB que achei muito legal.  David Ortiz, astro do Boston Red Sox, foi para as ruas de Nova York em busca de novas amizades.  O video é muito divertido.

That’s what I’m talking abouuuuut!!!

Pergunta: Você, torcedor dos Yankees, daria um abraço no Big Papi? Qual seria sua reação?

Autor: Tags: , ,

terça-feira, 5 de abril de 2011 MLB - Beisebol | 23:37

RED SOX EM APUROS??

Compartilhe: Twitter

Que começo mais ridículo do Boston Red Sox.  O time ainda não ganhou e o torcedor lá em Boston já começa a sofrer de pressão alta.  Depois da derrota de hoje contra o Cleveland Indians deve ter um monte de gente se internando lá no Children’s Hospital.  Eu poderia falar pra ter calma, que é apenas o início da temporada e que o beisebol é uma maratona e que tudo vai dar certo, etc., etc.  Mas a verdade é que esse início é preocupante.

Vou deixar bem claro que eu (e metade do mundo) apontei o Boston como favorito ao título.  Essa é a primeira vez na minha vida que quase todos os experts apostam no Boston antes da temporada começar.  Os Red Sox não vencem 100 jogos desde 1946 e muitos acham que esse pode ser o ano das 100 vitórias.  O fato é que o Boston fortaleceu seu lineup com as aquisições de Carl Crawford e Adrian Gonzalez.  O céu é o limite para esse grupo.  O fato também é que a rotação titular não deixa de ser uma incógnita.  Eu estou falando isso há meses.  John Lackey teve um 2010 ridículo, Josh Beckett deve estar com torcicolo de tanto virar o pescoço pra ver basebolas voando pro outro lado do muro, Daisuke Matsuzaka ainda não fez nada com o uniforme dos Red Sox e Clay Bucholz teve sua primeira boa temporada na vida no ano passado.  Jon Lester sempre começa mal, mas é um Ace legitimo.  Ele passa confiança e pode ter certeza que vai se recuperar da surra que levou no Opening Day.   Os Red Sox tão com 4 derrotas e o único arremessador titular que ainda não levou uma surra é o Daisuke, que ainda não arremessou.

O bullpen é outra incógnita.  Eu sei que Daniel Bard teve um excelente ERA em 2010 e possui uma grande bola rápida, mas você realmente sente confiança quando ele entra pra enfrentar Mark Teixeira ou outro grande rebatedor? Eu não.  E o Jonathan Papelbon?  Ele foi muito mal na temporada passada.  Esse ano ele já cedeu 2 corridas em uma entrada.  Ele não assusta mas ninguém e pode ser uma questão de tempo para o Bobby Jenks assumir a posição de closer.  Tim Wakefield é outro jogador que sempre quando entra o torcedor fica com indigestão.  Wakefield ta beirando os 45 anos e quando sua knuckleball não dança, é ele que dança.  É fácil roubar bases contra o veterano e acredito que a hora dele se aposentar já chegou.

O que eu digo é que Boston tem alguns problemas que não são de hoje ou dessa semana.  Os mesmos problemas da temporada passada estão se repetindo.  Isso é preocupante.  O bullpen foi um dos piores da liga e somente Clay Bucholz e Jon Lester foram bem na rotação titular.  Os Red Sox gastaram tanto dinheiro com John Lackey e Josh Beckett e eu ainda estou esperando eles fazerem jus a esse investimento!!

O lineup dos Red Sox vai detonar esse ano.  O começo ruim de Carl Crawford e Kevin Youkilis não faz ninguém perder um minuto de sono porque sabemos que é só uma questão de tempo.  Agora, o grupo de arremessadores vai ter que melhorar e muito.  É ele que vai ditar se o Boston vai alcançar as metas que almeja.

E aí, o que acham? Quem está preocupado?

Autor: Tags:

sexta-feira, 25 de março de 2011 MLB - Beisebol | 01:27

ARMA SECRETA DE CADA TIME DA LIGA AMERICANA

Compartilhe: Twitter

Uma semaninha! É só isso que falta para o início da temporada da MLB.  Cada temporada reserva algumas surpresas e esse ano promete a mesma coisa.   De vez em quando jogadores novos surgem do nada e se tornam estrelas.  Às vezes é um veterano, desacreditado, que mostra que ainda tem gasolina no tanque.  Eu escolhi um jogador de cada time que pode fazer a diferença em sua respectiva equipe.  O atleta que pode ser a peça final do quebra-cabeça.

AL EAST

Josh Beckett

New York Yankees – Ivan Nova

Ele mostrou que tem potencial pra ser um bom jogador no ano passado.  Nova começou 7 jogos e não foi mal.  Agora, o menino de 24 anos esta arrebentando no Spring Training.  Em 14 entradas ele cedeu apenas 2 corridas.  Os Yankees precisam de um bom arremessador na rotação titular além de CC Sabathia.  Se Nova se tornar esse atleta, os Yankees terão grandes possibilidades de vencer a divisão pelo terceiro ano seguido.

Boston Red Sox – Josh Beckett

Eu estou muito preocupado com Josh Beckett.  4 anos atrás, ele era considerado um dos melhores arremessadores da liga e foi uma peça crucial do time do Boston que venceu a World Series.  Sem Beckett, Boston nem teria conseguido a classificação.  Infelizmente, a produção dele tem diminuído muito nos últimos anos.  Beckett cedeu 45 home runs nos últimos dois anos e em 2010 batalhou as contusões.  Ele não vem arremessando bem no Spring Training e vai começar o ano como o quarto arremessador da rotação titular.  Os Red Sox têm um grande ataque mas vão precisar de Beckett pra erguer mais um troféu.  Vamos ver se ele dá conta do recado.

Toronto Blue Jays – Jesse Litsch

Litsch perdeu boa parte da temporada passada e passou por uma cirurgia em Agosto.  A boa notícia é que ele está tendo um ótimo Spring Training.  A rotação titular dos Blue Jays tem dado um baita azar nas últimas temporadas.  Roy Halladay e AJ Burnett foram embora pra ganhar mais dinheiro e Shaun Marcum se machucou e agora joga nos Brewers.  Os Blue Jays precisam que alguém (que não está cotado pra fazer grandes coisas) supere as expectativas.  Litsch está pronto pra mostrar que ele pode ser esse cara.

Baltimore Orioles – Matt Wieters

Eu sei que em duas temporadas na MLB o catcher dos Orioles não fez muita coisa.  Mesmo assim, ainda acredito no talento de Matt Wieters.  O garoto de 24 anos era considerado um candidato a ser uma das novas estrelas do beisebol.  Infelizmente, ele decepcionou no ano passado, batendo apenas 11 home runs.  Os Orioles fizeram varias aquisições importantes nessa intertemporada (Vlad Guerrero, Derek Lee, Mark Reynolds e JJ Hardy) e eu sinceramente acho que esses veteranos vão tirar a pressão de cima do jovem Wieters.  Eu acho que ele tem tudo pra deslanchar.

Tampa Bay Rays – Manny Ramirez

Exatamente! Manny Ramirez.  O veterano está matando basebolas nessa pré-temporada e parece estar mais dedicado do que nunca depois de assinar um contrato de apenas um milhão de dólares com o Tampa Bay Rays.  Após duas temporadas ruins, Ramirez parece um homem  numa missão: provar que ainda é um dos melhores rebatedores da MLB.  Ele nunca rebate bem no Spring Training e geralmente hiberna durante os dois primeiros meses da temporada.  Esse Spring, ele está com 3 home runs e um aproveitamento de 35%.  Parece que o urso está acordado, my friends.  Isso pode ser uma notícia ruim para o resto da Liga Americana.  Os Rays agradecem.  Tampa vai precisar de Ramirez, especialmente com as saídas de Carl Crawford e Carlos Pena.  Se Ramirez bater 35 home runs e impulsionar 100 corridas, os Rays podem incomodar na AL East.

AL CENTRAL

Gordon Beckham

Detroit Tigers – Max Scherzer

Eu sei que Scherzer não está tendo o melhor Spring Training do mundo (5,40 ERA) mas ele mostrou que merece estar na MLB com um bom desempenho no ano passado (12 vitórias).  Os Tigers estão depositando muita confiança nesse garoto e precisam de um bom arremessador alem de Justin Verlander e Rick Porcello na rotação titular.  O ataque e bullpen já são bons.  Se Scherzer desempenhar e formar um trio sólido com Porcello e Verlander, os Tigers terão tudo pra voltar aos playoffs pela primeira vez desde 2006.

Chicago White Sox – Gordon Beckham

Esse pode estar pronto pra explodir. Hello, bomba relógio!  O terceiro anista de 24 anos, tem tudo pra produzir uma temporada de 20 HR, 90 RBI e aproveitamento de 30%.  Dois anos atrás ele bateu 14 HR e foi um dos melhores calouros da temporada.  2010 não foi bom (9HR, 25%) mas eu acho que ele volta com tudo nessa temporada.   Com 3 HR e 35% no Spring Training o jovem já mostra que está pronto pra deixar o ataque dos White Sox mais dinâmico.

Minnesota Twins – Joe Nathan

Joe Nathan sempre foi um dos melhores fechadores da Liga desde que chegou aos Twins em 2004.  Agora ele é uma incógnita.  Depois de passar por uma cirurgia e perder a temporada inteira de 2010, ninguém sabe se veremos o velho Nathan no montinho.  Os Twins perderam várias peças importantes do bullpen.  O time precisa de Nathan mais do que nunca em 2011.  Infelizmente, ele não vem bem no Spring Training (9 corridas cedidas em 7,1 entradas).  Um bom Nathan pode ser a diferença entre uma vaga nos playoffs e uma equipe medíocre.

Kansas City Royals – Alex Gordon

Os Royals não vão a lugar nenhum nessa temporada.  (Eu acho que o roster inteiro teria que ter a temporada dos sonhos pra Kansas City chegar aos playoffs.)  Eu só estou curioso pra ver se Alex Gordon finalmente vai se tornar o jogador que todos sabem que ele pode ser.  O atleta de 27 anos está começando sua quinta temporada e ainda deve muito aos torcedores dos Royals.  Nesse Spring Training ele parece estar muito focado (4 HR, 34%).  Gordon disse que está se sentindo muito bem no bastão e mudou algumas coisitas em seu “swing”.  Só quero ver.

Cleveland Indians – Grady Sizemore

O torcedor dos Indians pode se preparar para mais uma temporada infernal. Hello, hell!  O roster não está nada guapo.  Muy feio para falar a verdade.  Lembra quando Grady Sizemore era um dos melhores jogadores da liga? Faz tempo, né?  Bom, ele ainda está se recuperando de uma cirurgia de microfratura no joelho, realizada em junho do ano passado.  Ele está começando a jogar no  Spring Training mas vai iniciar o ano na lista dos contundidos (ele espera voltar ainda em abril).  Grady bateu 33 HR e roubou 38 bases em 2008.  O torcedor espera que ele volte a esse nível em 2011.

AL WEST

David DeJesus

Anaheim Angels – Dan Haren

A última vez que Dan Haren arremessou uma temporada completa na Liga Americana, ele terminou com o terceiro melhor ERA (3,07) da AL.  O ano passado foi complicado para o atleta, que começou a temporada em Arizona antes de ser trocado para os Angels.  Haren tem sido um dos arremessadores mais consistentes da MLB nos últimos 5 anos.  Eu sinceramente acho que ele e Jeff Weaver têm a capacidade de formar a melhor dupla de arremessadores da Liga Americana.  Se isso acontecer, os Angels vão pros playoffs.

Texas Rangers – Derek Holland

Os Rangers perderam Cliff Lee e precisam de um canhoto que possa substituí-lo. (Percebe-se que eu não falei “substituí-lo a altura” pois isso seria quase impossível).  Holland vai ter que jogar bem e mostrar mais consistência esse ano.  Ele foi  importante nos playoffs e tudo indica que o nervosismo não vai ser um fator durante a próxima temporada.  O menino de 24 anos vem bem no Spring Training (ERA de 3,21) e possui bom talento.  Eu acho que esse pode ser o ano dele.

Oakland A’s – David DeJesus

Olho no Oakland A’s esse ano!  O grupo de arremessadores é excepcional e o time contratou alguns bons rebatedores, incluindo David DeJesus.  Os A’s tiveram o quarto pior ataque e apenas um time da Liga Americana (Seattle) bateu menos home runs no ano passado.  Oakland precisa de mais potência no bastão pra complementar um excelente grupo de arremessadores (melhor ERA da Liga Americana em 2010).  David DeJesus pode ser a resposta.  O  jogador estava vivendo sua melhor fase como profissional no ano passado antes de se machucar e perder os dois últimos meses da temporada.   45 rebatidas duplas e um aproveitamento de 32% não estão fora de cogitação esse ano.  Estou curiosíssimo pra ver o que ele faz em 2011.

Seattle Mariners – Justin Smoak

Esse time tem mais buracos do que um queijo suíço.  Coitados de Ichiro Suzuki e Felix Hernandez (Cy Young do ano passado) que estão presos em Seattle.  O time precisa de muita coisa, especialmente alguém que consiga bater a basebola nas arquibancadas.  Os Mariners bateram 101 home runs no ano passado (apenas 156 a menos que Toronto Blue Jays), pior marca da liga.  Justin Smoak, adquirido na troca que mandou Cliff Lee para Texas, pode ser a resposta.  O segundo anista de 24 anos (parece que todo mundo nessa lista tem 24 anos), bateu 13 home runs em apenas 100 jogos no ano passado.  Vamos ver se ele consegue alavancar esse número pra 25.  Uma coisa é certa, será mais uma temporada complicadíssima para os Mariners.

O que acham??  Quem vai deslanchar em 2011??

Autor: Tags: , , , , , , , , , ,

quinta-feira, 17 de março de 2011 MLB - Beisebol | 19:48

BASEBALL, BASEBALL! DESTAQUES DO SPRING TRAINING DA MLB

Compartilhe: Twitter

Estamos quase lá! Daqui a duas semanas começa a temporada do melhor beisebol do mundo.  Os 30 times já estão treinando nos estados da Flórida e Arizona visando o Opening Day (dia de abertura).  É difícil fazer um prognóstico da temporada de acordo com o desempenho dos clubes no Spring Training, mas sempre há destaques durante os treinamentos da primavera.

Aqui estão 10 destaques importantes das duas primeiras semanas do Spring Training.

10.  Jake Peavy está no caminho certo!

O astro do Chicago White Sox perdeu metade da temporada passada depois de sofrer uma grave contusão no grande dorsal (músculo nas costas) em julho.   Quando sofreu a contusão, Peavy falou que sentiu o músculo (que estende até a axila) completamente se desconectar do osso e descer para a cintura. Ugh!  A contusão é uma novidade no beisebol.  Arremessadores geralmente machucam o ombro, cotovelo, obliquo ou antebraço.  Por isso os White Sox terão toda cautela do mundo com Peavy.  O jogador deve perder as primeiras semanas da temporada regular (no máximo um mês), mas deve estar pronto pra ajudar o clube pro restante do ano.  Em seu último jogo de Spring Training, Peavy arremessou 69 bolas (4 entradas) e cedeu 3 corridas.  Ele se pronunciou saudável depois da boa atuação.  Que bom!

9. Adrian Gonzalez vem com tudo!

Yo Adriannnnnnn!  Não é só o Rocky Balboa que ama Adrian.  Agora o torcedor dos Red Sox também está prestes a viver uma história de amor com Adrian.  Só que esse daqui não tem cabelinho chanel e óculos.  Hello, Adrian Gonzalez! Bem-vindo a Boston, meu querido.  Adrian passou por uma cirurgia no ombro depois da última temporada e está 100%.  O novo primeira base dos Sox estreou no último sábado e conseguiu uma rebatida em sua primeira oportunidade no bastão.  Mesmo jogando no sacrifício em 2010, ele bateu 31 home runs e quase levou os Padres aos playoffs.  Gonzalez tem tudo pra se dar bem no Fenway Park esse ano, e na minha opinião, é um dos favoritos ao prêmio MVP.

8. Bem-vindo a Texas, Adrian Beltre

Adrian Beltre

Ele foi o melhor jogador dos Red Sox em 2010.  Agora, Adrian Beltre busca ter o mesmo impacto com o Texas Rangers.  Depois de perder os 15 primeiros jogos do Spring Training por causa de uma contusão na panturrilha, Beltre estreou nessa última segunda-feira.  O novo terceira base dos Rangers, que assinou um contrato de 5 anos 80 milhões de dólares, já começa a deixar o torcedor com água na boca.  Em dois jogos, ele conseguiu 3 rebatidas em 6 at-bats.  Ontem, ele bateu seu primeiro home run do Spring Training.  A única questão agora em Texas é o que fazer com Michael Young.  Young, um dos jogadores mais queridos da história do clube, atuou na posição de Beltre no ano passado.  Ele vai começar o ano como rebatedor designado, mas eu sinceramente acho que existe uma grande chance do atleta ser trocado pra outro clube.  Vamos ver.

7. Que susto!

O Oakland A´s levou um belo susto nessa segunda-feira.  Andrew Bailey, calouro do ano em 2009, sentiu o cotovelo direito e teve que sair do jogo contra os Rangers.  Bailey demonstrou estar em agonia depois do arremesso mas graças a Deus foi só uma distensão.  Bailey é um dos melhores fechadores da MLB.  No ano passado ele salvou 25 jogos com um era de 1,47.  O jogador deve perder o início da temporada.

6. Que triste.

O beisebol é um jogo muito perigoso.  Quem senta nas primeiras fileiras ou fica no “dugout” (banco) precisa ficar muito atento.  A qualquer momento uma “foul ball” pode causar uma contusão grave.  Infelizmente, a notícia não é boa para Luiz Salazar, um dos treinadores dos Braves.  Ele foi atingido no olho por uma bola durante um jogo do Atlanta.  Salazar estava no degrau de cima do dugout quando o incidente aconteceu.  Ele passou por 3 cirurgias mas acabou perdendo o olho esquerdo.

5. E agora, Philadelphia??

Quando falamos dos Phillies a primeira coisa que vem a cabeça é a excelente rotação titular.  Halladay, Lee, Oswalt e Hamels realmente vão dar o que falar.  Porém, o torcedor deve estar preocupadíssimo com a condição do ataque (que perdeu Jayson Werth) e o astro Chase Utley.  A notícia não é nada boa.  Utley ainda não jogou nesse Spring Training e sofre com uma tendinite patelar e inflamação no osso do joelho direito.  Utley estava treinando com o clube, mas foi embora nessa terça-feira pra consultar com um especialista.  O jogador vai começar o ano na lista dos contundidos e ficará fora por tempo indeterminado.  Existe a possibilidade de ele passar por uma cirurgia.  Se isso for necessário, Utley perderia metade da temporada. Uau!

4. Michael Morse é o cara em Washington

Michael Morse será o left fielder titular dos Nationals no Opening Day.  A criança está simplesmente detonando basebolas nessa pré-temporada.  O jogador é o vice- líder da Grapefruit League com 5 home runs e tem 15 rebatidas em 35 chances (42,9%).  Morse bateu 15 home runs em 98 partidas no ano passado.  Vamos ver se ele se torna uma das novas estrelas dos Nationals esse ano.

3. Alguém fala pro Tim Lincecum que a temporada ainda não começou

Tim Lincecum

O excepcional arremessador está em forma, my dears.  O vencedor do prêmio Cy Young de 2008 e 2009 continua arrebentando no Spring Training.  Ninguém arremessou mais entradas (17,2) ou conseguiu mais strikeouts (21) do que o queridinho de São Francisco.  Lincecum tem 3 vitórias e ainda não perdeu em 5 jogos nesse spring training.  Os Giants venceram a World Series no ano passado com performances sensacionais de seus arremessadores.  Algumas coisas não mudam.  Go Giants!

2 e 1. Manny Banuelos e Ivan Nova levantando sobrancelhas em Nova York

Manny Banuelos

Eu sei que o torcedor dos Yankees ficou deprimido depois que Andy Pettitte se aposentou e Cliff Lee decidiu assinar com os Phillies.  Entretanto, tem dois arremessadores que estão dando o que falar nesse spring training.

Não teve como não perceber o excelente talento de Manny Banuelos nessa última segunda-feira contra os Red Sox.  O menino de 20 anos continuou sua seqüência de entradas sem ceder corrida no Spring Training.  Em 2,2 entradas contra o Boston, o jovem arremessou 53 bolas e permitiu apenas duas rebatidas.  Ele mostrou que ainda está um pouco “verde” cedendo 3 walks, mas a boa notícia é que ele conseguiu sair das encrencas.  Nesse Spring Training, Banuelos (que mostra um excepcional arremesso de change-up) arremessou 7,2 entradas e cedeu apenas 5 rebatidas.  Os Yankees já falaram que ele começará a temporada nas Ligas Menores, mas pode ser uma opção na segunda metade da temporada.

Ivan Nova espetacular.

Que tal o trabalho do Ivan Nova ontem contra os Orioles? O jogador, que busca se firmar na rotação titular dos Yanks, arremessou 6 entradas sem ceder uma rebatida!  O treinador, Joe Girardi, falou que a performance de Nova foi a melhor de qualquer arremessador do clube até agora.  Em 4 jogos nesse Spring, Nova soma 14 entradas e apenas duas corridas cedidas.  Será que ele leva esse bom momento para a temporada regular?

O que acham???

Autor: Tags: , , , , ,

sábado, 25 de setembro de 2010 MLB - Beisebol | 23:39

YANKEES COM MUITOS PROBLEMAS ENQUANTO TWINS, GIANTS E PHILLIES INSPIRAM CONFIANÇA.

Compartilhe: Twitter

Mais uma semana e muita coisa acontecendo na MLB.  Vamos analisar algumas coisas que chamam bastante atenção.

O MINNESOTA TWINS GARANTE A DIVISÃO PELA SEXTA VEZ NOS ÚLTIMOS NOVE ANOS.

Twins comemorando o título da divisão central.

Cuidado com os Twins.  Mesmo sem o Justin Mourneau, que está machucado, o time está jogando muito (os Twins não perdem quando ele tá fora do lineup, é a coisa mais bizarra).   Jim Thome, aparentemente, tem bebido da fonte da juventude e o grupo está pronto pra chegar com tudo nos playoffs.  Os Twins começaram o dia com a melhor campanha na Liga Americana e esperam ter o mando de campo nos playoffs.

Duas coisas que chamam bastante atenção.  Primeiro, a rotação titular está sensacional.  Francisco Liriano (14 vitórias e 8 derrotas) está escalado pra começar o Jogo 1 da primeira fase.  Carl Pavano, está numa ótima temporada e vai no jogo 2.  Uma peça chave pode ser Brian Duensing e suas 10 vitórias e 2 derrotas.  Enfim, os Twins sempre vacilam nos playoffs porque nunca têm grandes arremessadores na rotação titular. Esse ano será diferente.

Segundo, o bullpen não sofreu nada sem o Joe Nathan.  Nathan era líder da MLB desde 2004 em saves antes de se machucar.  Com um bom trabalho de Jon Rauch e a aquisição de Matt Capps, o bullpen vai muito bem muito obrigado.  Minnesota perdeu 16 dos últimos 19 nos playoffs mas eu estou sentindo que Minnesota vai incomodar e muito esse ano.

A ROTAÇÃO TITULAR DO SÃO FRANCISCO GIANTS É DE OUTRO PLANETA.

Tim Lincecum está jogando muito!

Nem eu, meu pai, ou seu avô testemunharam a última vez que um time teve uma sequência de 18 jogos sem ceder mais do que três corridas num jogo.  Hello Giants 2010!!!!  Ontem, a equipe venceu o Colorado Rockies por 2 a 1 e no processo, alcançou essa marca histórica.  A última vez que um time teve tal sequência foi em 1917, quando o Chicago White Sox conseguiu 20. Se o seu avô tem perto de 105 anos e morava em Chicago na época, sorry, ok?  Tim Lincecum (arremessou bem pelo quinto jogo seguido) e os Giants estão simplesmente atropelando.

A equipe está empatada com o San Diego Padres na classificação da divisão oeste.  O time precisa continuar com a boa fase pra chegar aos playoffs.

PHILADELPHIA AMA SETEMBRO

Os Phillies estão com pinta de campeões

Com a vitória de ontem, o Philadelphia chegou a 19 vitórias no mês de Setembro.  São apenas 4 derrotas.  Esse é o sexto ano consecutivo que os Phillies vencem pelo menos 17 jogos em Setembro (os times que enfrentam o Philadelphia ficam cantando aquela música do Green Day “wake me up, when September ends..”).    Philly,  pra mim, é de longe o time mais equilibrado da MLB, hoje.  A rotação titular está simplesmente fantástica desde que  Roy Oswalt chegou.  Se eu tivesse que apostar em um time nos playoffs eu apostaria nos garotos da Philadelphia.  Hello Oswalt e Halladay nos playoffs!

TEXAS RANGERS FINALMENTE CHEGA AOS PLAYOFFS.

Finalmente, uma comemoração em Texas.

Pela primeira vez desde 1999, os Rangers podem festejar.  Com um excelente closer (e que temporada do engraçadinho do Neftali Feliz), possivelmente a melhor rotação titular da história do clube e um grande ataque, os Rangers garantiram a divisão oeste.  O time venceu o Oakland Athletics hoje por 4 a 3 pra carimbar seu passaporte aos playoffs.

O fato é que eu acho que Texas é o time com menos chances na Liga Americana.  O motivo é simples: Josh Hamilton está com duas costelas quebradas e não joga desde o dia 4 de setembro.  Ele tentará voltar pros últimos dois ou três jogos da temporada regular pra tentar se preparar pros playoffs.  Desculpa, mas é muito difícil fazer um swing com costelas quebradas.  Eu não vejo ele fazendo uma grande diferença nos playoffs.  Espero estar errado.

AS COISAS PRECISAM MUDAR, E RÁPIDO, EM NOVA IORQUE

Andy Pettitte reage depois de ceder um home run ao Jed Lowrie dos Red Sox.

Os Yankees estão em apuros.  Depois de sofrer sua quarta derrota consecutiva no Yankee Stadium, o torcedor deveria estar bastante preocupado.  Nos últimos 4 jogos, a equipe cedeu 34 corridas.  O Bullpen tá ruim e a rotação titular pior ainda.   CC Sabathia, AJ Burnett, Andy Pettitte e Ivan Nova perderam durante essa sequência.

Sabemos que os Yankees têm um ataque superior aos demais da liga.  Nos últimos dois dias, os Yankees bateram um total de 8 home runs!  Foram duas goleadas né? É…pro Boston Red Sox!! Os Red Sox venceram pelos placares de 10 a 8 e 7 a 3.  Andy Pettitte, que está de volta depois de ficar dois meses fora por contusão, cedeu 7 corridas no primeiro jogo!  Pettitte foi determinante na conquista do título do ano passado.  Ele precisa voltar a ser aquele jogador!  Os Yankees gostariam que ele começasse o jogo 2 da primeira rodada dos playoffs.  Se ele continuar assim, esquece.  No segundo jogo contra os Red Sox, quem levou um sacode foi o Ivan Nova.  Nova cedeu quatro corridas.  O Bullpen cedeu mais três, incluindo uma do Joba Chamberlain (um peça importante pros Yankees).  E por falar em Chamberlain, ele não assusta absolutamente ninguém. Sorry.

Com Pettitte voltando de contusão, Phil Hughes, AJ Burnett e Ivan Nova mostrando muita inconsistência, os Yankees vão precisar de muito ataque pra vencer mais um título.  Isso pode acontecer, mas é difícil.  Os times com os melhores arremessadores ganham nos playoffs.  Infelizmente pros Yankees, o momento é muito ruim em relação a isso.

E aí?  Ainda acreditam em mais um títulos dos Yankees?

Autor: Tags: , , , , , , , ,

quarta-feira, 1 de setembro de 2010 MLB - Beisebol | 03:48

MANNY RAMIREZ DEVERIA SE APOSENTAR O MAIS RÁPIDO POSSÍVEL.

Compartilhe: Twitter

Manny Ramirez acaba de chegar em Chicago.  A mais nova aquisição de um time desesperado pra chegar aos playoffs.  Um jogador que, pra mim, já virou uma piada.  Eu nunca vi um atleta tão talentoso (ele é um dos 5 melhores rebatedores que eu já vi na vida) desapontar tanta gente e se queimar da forma que Ramirez já se queimou.  Preguiçoso, briguento, indiferente, desrespeitoso e mal-humorado.  Esses são alguns bons adjetivos para descrever o novo atleta do Chicago White Sox.

Ele chegou em Boston em 2001 e teve momentos incríveis.  Ramirez ajudou os Red Sox a vencerem as World Series de 2004 e 2007.  Foi lá que ele conseguiu o home run de número 500 e foi eleito o MVP da Série Mundial de 2004.  Fora isso, as reclamações e mal comportamento, dessa pessoa problemática, deixavam torcedores, treinadores, jogadores e a diretoria do clube frustrados.   Ele chegou a fisicamente agredir um companheiro de equipe (Kevin Youkilis), durante um jogo, e um funcionário (Jack Mccormick de mais de 60 anos).  Ele empurrou o Mccormick porque o funcionário não conseguiu o número de ingressos que Manny solicitou pra um jogo dos Red Sox.

Todo ano com o Boston, Ramirez (que ganhava 20 milhões de dólares por ano) expressava que queria ser trocado e, nos últimos anos,  (aparentemente) inventava que estava machucado para não jogar.  Teve uma vez que Manny ficou um bom tempo fora por causa de uma contusão no joelho num momento crítico da temporada.  Qual joelho? O esquerdo ou o direito? Nem ele sabia! Os Red Sox tinham quase certeza que Manny estava fingindo a contusão.  Ramirez era uma dor de cabeça gigante para o treinador Terry Francona.  Seus companheiros precisavam dele, mas o atleta não correspondia.  A diretoria do clube ficava furiosa e não sabia o que fazer para agradá-lo.  Ele se tornou um câncer dentro do vestiário e finalmente foi trocado em julho de 2008 para o Los Angeles Dodgers.

Ramirez chegou em Los Angeles inspiradíssimo e teve um final de temporada incrível.  Foram 17 home runs e um aproveitamento de 39,6%.  Números inacreditáveis.  O talentosíssimo boleiro carregou os Dodgers nas costas até os playoffs.  Los Angeles inteira se apaixonou pelo jogador.  Hollywood virou “Mannywood”.  O beisebol em LA virou uma febre e Ramirez foi o grande protagonista.

Em 2009, começou a palhaçada.  Logo depois de renovar seu contrato com os Dodgers (dois anos, 45 milhões de dólares) o atleta recebeu uma suspensão de 50 partidas por ter utilizado substâncias ilegais.  Depois da suspensão ele nunca mais foi o mesmo.  Depois de somar 37 home runs em 2008 (somando os números com os Red Sox e Dodgers), Ramirez bateu apenas 19 em 2009 em 104 jogos.  Os Dodgers chegaram aos playoffs, mas Manny não foi nem metade do jogador de 2008.

Esse ano, a coisa piorou bastante. Foram três passagens pela lista dos contundidos com uma lesão na perna direita.  Manny bateu apenas 8 home runs em 66 partidas.   Ramirez reclamava de desconforto físico e não queria mais jogar no outfield.  Ele queria voltar para a Liga Americana (onde ele podia ser um rebatedor designado e não jogar no campo externo).  Ramirez poderia ter engolido o choro e feito um esforço em prol de seus companheiros.  Mas esse não é o Manny.  Os Dodgers se acostumaram com a vida sem o jogador e ele foi colocado no banco ao voltar da lista dos contundidos.  Scott Posednik estava começando na frente de Ramirez.  Joe Torre se sentia mais confortável com Posednik do que o Manny.  Fala sério!  Que decadência.

Em seu último jogo com os Dodgers, Manny foi expulso de campo.

Agora Manny está no Chicago White Sox.  Os Dodgers simplesmente entregaram o jogador e o restante de seu salário (4 milhões de dólares) ao Chicago.  Os Dodgers não conseguiram NADA na troca.  Nenhum jogador!  Mesmo assim, eles fizeram a transação para se livrarem do jogador.

Manny chegou ontem em Chicago e já mostrou sua arrogância.  Ele se recusou a falar com repórteres em inglês.  Ramirez só respondia perguntas em espanhol acompanhado de um tradutor.  Que palhaçada é essa??  Será que ele esqueceu seu cérebro em Los Angeles?  Eu acho que não, né?  O mocinho de 38 anos falou que se sente “como se tivesse com 25 anos”.  Ele disse que não está prestando atenção as criticas e pretende ajudar os White Sox.

Manny Ramirez com seu "tradutor" Joey Cora.

Eu acho que o jogador tem tudo pra ajudar.  Afinal, o cara tem 554 home runs na carreira.  Quando ele quer jogar, ele joga! E parece que ele está revigorado com a mudança.  É bem possível que ele arrebente e leve os White Sox aos playoffs.  Agora, é melhor os White Sox ficarem espertos.  Mesmo se Manny jogar bem, seria um erro grotesco trazer o jogador de volta em 2011.  Vai ser uma questão de tempo pra ele começar a reclamar e virar um câncer dentro do vestiário.

Manny é um dos melhores jogadores que eu já vi.  Já vibrei muito com os momentos espetaculares desse tremendo talento.  Infelizmente, o jeito que Manny encara o jogo e demonstra sua falta de profissionalismo ofende a Major League Baseball e sua rica história. Heróis como Lou Gehrig, Cal Ripken Jr., Ernie Banks, Joe Dimaggio, Ted Williams e Jackie Robinson entravam em campo com corpo e alma.  Todos esses atletas estão imortalizados no Hall da Fama.  A cada dia que passa eu começo a achar que Manny não deveria ser comparado com esses jogadores.  Não estou falando de talento, e sim de respeito ao esporte.  O beisebol merece jogadores que dão 100% sempre.  Atletas que mostram amor ao esporte, seus companheiros, fãs e clube.  Manny Ramirez não faz parte desse grupo, e acredito que poucos sentirão a falta dele quando finalmente decidir pendurar as chuteiras.

Comments?

Autor: Tags: , , ,

quarta-feira, 18 de agosto de 2010 MLB - Beisebol | 04:09

UMA NOITE PERFEITA PARA PHILLIES E RED SOX

Compartilhe: Twitter

Dustin Pedroia

Chase Utley

Eles estão de volta! Dustin Pedroia e Chase Utley voltaram ontem de contusão. Pedroia não jogava desde o dia 25 de junho, perdendo 44 jogos, e Utley perdeu 43 jogos desde que se machucou no dia 29 do mesmo mês. Pedroia quebrou o osso navicular no pé direito. (você sabia que o osso tem o nome de “navicular” porque ele tem a forma de um navio? (eu aprendi isso ontem com o mestre Carlos Lima da ESPN)). Chase Utley rompeu o ligamento do polegar direito e voltou antes do antecipado. Médicos achavam que o segunda-base do Philadelphia só voltaria no finalzinho desse mês. Os Red Sox venceram 23 dos 44 jogos que Pedroia perdeu. Os Phillies ganharam 26 dos 43 que Utley ficou fora.

É o seguinte, os Red Sox desesperadamente precisavam da volta de Pedroia. Ele é um dos líderes do time e precisa produzir! Kevin Youkilis e Mike Cameron não jogam mais nessa temporada e Jacoby Ellsbury provavelmente também ficará fora do restante dos jogos. Pedroia foi o MVP da temporada de 2008 e obviamente é uma parte fundamental do ataque e defesa dos Red Sox. Eu não acho que os Red Sox vão conseguir superar os Rays ou Yankees por que o Bullpen do time é fraco. Entretanto, garra é o que não volta ao clube. Os Red Sox têm batalhado com MUITAS contusões esse ano e mesmo assim têm uma campanha forte de 68 vitórias contra 52 derrotas. O time mostra muita energia dentro de campo e o Pedroia é um exemplo disso. Não há dúvida que Boston vai melhorar com o baixinho de volta no line-up.

Pedroia jogou nessa terça-feira contra os Angels e terminou 0 de 4 no bastão com um strikeout. Mesmo assim, os Red Sox venceram por 6 a 0.

Os Phillies (e isso me surpreendeu bastante) sobreviveram, e muito, sem o Utley no line-up. Além de somar as 26 vitórias sem o jogador, Philadelphia chegou a vencer 8 jogos consecutivos em sua ausência. Mesmo assim, se Philadelphia sonhar com uma terceira aparição consecutiva na Série Mundial, Utley vai ter que ser o cara. Na World Series do ano passado ele bateu nada menos que 5 Home Runs! Esse ano ele tem apenas 11, mas estamos falando de um jogador que já tem 5 All-Star games no currículo. Os Phillies sempre jogam bem depois do jogo das estrelas e esse ano não tem sido diferente. Philadelphia venceu 19 dos últimos 24 jogos e hoje está apenas 2,5 jogos atrás do Atlanta Braves na classificação da Divisão Leste. Ontem, Os Phillies venceram os Giants por 9 a 3 na volta de Utley ao line-up. O jogador não conseguiu nenhuma rebatida em 5 oportunidades no bastão.

Se os playoffs começassem hoje, Os ‘Phils entrariam como Wildcard. Eu sinceramente acho que com a volta do Utley, a equipe vai terminar com a melhor campanha da Liga Nacional. Isso mesmo! A melhor campanha da NL!

O que acham?

social networking website script

Autor: Tags: , , , ,

segunda-feira, 2 de agosto de 2010 MLB - Beisebol | 04:20

NEW YORK YANKEES MELHORA ENQUANTO O ARQUI RIVAL, BOSTON RED SOX, VACILA.

Compartilhe: Twitter

Lance Berkman feliz da vida de estar com os Yankees.

O New York Yankees fica cada fez melhor. É impressionante. Mesmo tendo a melhor campanha da MLB, parece que a diretoria do atual campeão não está satisfeita. Por isso, o clube contratou mais três jogadores antes do prazo final (dia 31 de julho) de trocas. Os “Bombardeiros do Bronx” agora contam com os serviços de Kerry Wood, Austin Kearns e Lance Berkman. Eu gostei das três transações.

Austin Kearns traz mais força ao banco do clube. Kearns jogava todo dia com os Indians e soma 8 Home Runs, um aproveitamento de 26,8% e 43 corridas impulsionadas em 83 jogos. O atleta vai dar ao manager Joe Girardi mais uma opção no banco.

Lance Berkman foi lindo. Eu sei que ele já tem 34 anos e esse ano tem números medíocres (13 Home Runs, 24,5% de aproveitamento). Mesmo assim eu acho que ele vai se encaixar muito bem na posição de Rebatedor Designado (DH). Nick Johnson ainda está fora por causa de contusão e ninguém sabe se ele volta esse ano. Berkman bateu 45 Home Runs em 2006 e acho que vai dar grandes dores de cabeça aos arremessadores da Liga Americana. Com jogadores excepcionais ao seu redor, eu acredito que ele ainda possa contribuir uns 8 a 12 Home Runs para NYY nessa reta final.

Kerry Wood pode ter sido a melhor ou a pior contratação dos Yankees nesse período de trocas. Isso vai depender da saúde do jogador. Wood já esteve na Lista dos Contundidos duas vezes e tem um histórico lamentável com as contusões. Os números esse ano não são bons (1-4, ERA de 6,00 e 8 saves em 24 aparições). Mesmo assim, Wood ainda tem uma ótima bola rápida e nos últimos dois anos salvou 54 jogos.  Os Yankees precisam de um arremessador confiável para entrar na oitava entrada e arrumar a mesa para o Mariano Rivera. Wood pode ser a reposta, já que Joba Chamberlain tem sido muito inconsistente. Kerry é um veterano e pode dar o que falar em Nova Iorque.

É obvio que os Yankees estão mais do que turbinados para tentar mais um título de World Series.

Red Sox vacilam

O general manager do Boston Red Sox, Theo Epstein.

Enquanto o arqui rival melhorava o Boston não fez nada para acrescentar sua equipe antes do prazo.  Os Red Sox fizeram uma troca insignificativa para essa temporada, contratando Jarrod Saltalamacchia (o cara literalmente tem o sobrenome mais longo da história do beisebol) do Texas Rangers.  Faz tempo que os olheiros do Boston observam o atleta e eu acho que ele pode ser bom no futuro.  O catcher teve seu melhor ano em 2007, batendo 11 Home Runs.  Esse ano ele batalhou contusões e jogou em apenas dois jogos.

O que os Red Sox realmente precisavam era de um arremessador para o bullpen.  Octavio Dotel, Kyle Farnsworth, Chad Qualls, Matt Capps, Kerry Wood, Javier Lopez e Will Ohman mudaram de equipes.  Nenhum foi pro Boston, que tem um dos piores bullpens da liga.  Tirando Daniel Bard e Jonathan Paplebon (que não tem tido uma grande temporada) os Red Sox não possuem nenhum arremessador confiável para apoiar a rotação titular.  Hideki Okajima está tendo sua pior temporada da carreira (e agora está reclamando que se sente sozinho no bullpen.  Será que Boston vai precisar de um psicólogo também?).  Manny Delcarmen está fazendo o que sempre faz: nada.  Scott Atchinson e seu ERA de 4,06 não assustam ninguém.  Enfim, o negocio está russo.

O General Manager, Theo Epstein, falou que foi atrás de reforços mas o preço estava muito alto.  Boston estava interessado em Scott Downs dos Blue Jays mas eles pediram muito, por exemplo.  Joakim Soria dos Royals também estava no radar dos Sox, mas não deu certo.  Theo acredita que prospectos das ligas menores como Michael Bowden, Dustin Richardson, e  Felix Doubront possam ajudar a equipe nessa reta final.  Eu tenho minhas dúvidas.  Veteranos com experiência são os mais confiáveis em outubro.  Calouros sempre são uma grande incógnita e é justamente isso que o restante da temporada é para o Boston, uma incógnita.

O que acham?

Autor: Tags: , , , , , , , ,

sexta-feira, 25 de junho de 2010 MLB - Beisebol | 15:06

TEM GENTE PEGANDO FOGO NA MLB!

Compartilhe: Twitter

DUSTIN PEDROIA

Fala sério meu querido Dustin Pedroia! Que mingau que você tomou antes do jogo de ontem contra o Colorado Rockies? Pedroia bateu 3 home runs, uma rebatida dubla e uma simples na vitória do Boston Red Sox por 13 a 11. Foram 5 rebatidas em 5 oportunidades no bastão.

O baixinho de perto de 1´80 e 80 quilos se tornou o primeiro jogador dos Red Sox a bater 3 home runs num jogo, desde Julho de 2004 (Kevin Millar). Quando falamos das melhores performances na história dos Sox, essa do Pedroia entra na conversa. Eu ainda coloco o jogo de Bill Mueller (3 home runs incluindo dois grand slams) em Julho de 2003 e a partidaça de Nomar Garciaparra (3 home runs incluindo dois grand slams e 10 corridas impulsionadas) em Maio de 1999, na frente do de Pedroia. Fora esses dois jogos, difícil achar uma performance melhor.

E aí? O que acham? Tem alguma outra partida de um jogador dos Sox que marcou mais??

Pedroia circulando as bases depois de bater seu terceiro home run do jogo.

TEXAS RANGERS

Olha só o engraçadinho do Texas Rangers vencendo tudo.  A equipe chegou a onze vitórias consecutivas ao derrotar o Pittsburgh Pirates (time que tem mais derrotas do que vitórias por 17 temporadas consecutivas) por 6 a 5.  A sequência é a segunda mais longa da história do Texas.  Texas venceu 14 jogos consecutivos em 1991.

Os Rangers agora somam 44 vitórias e apenas 28 derrotas, a segunda melhor campanha da MLB (Yankees tem 45-27).  A equipe está na primeira colocação na Divisão Oeste da Liga Americana.  O interessante das onze vitórias é que todas foram contra times da Liga Nacional (duas contra o Milwaukee Brewers, 3 contra o Florida Marlins e 3 cada contra o Houston Astros e Pittsburgh Pirates).

Sabemos que os Rangers sempre teve um bom ataque e esse ano não tem sido diferente.  A equipe tem o melhor aproveitamento da MLB no bastão, 28%.  O que Texas nunca teve é consistência de seus arremessadores.  Esse ano TEM sido diferente.  Os Rangers tem o quarto melhor ERA da Liga Americana na temporada e o melhor ERA da MLB no mês de Junho.

Será que agora vai? Go Rangers!

Os Rangers comemorando mais uma vitória.

CHICAGO WHITE SOX

Tem um time que acaba de se apresentar para a temporada 2010.  Oi, tudo bem Chicago White Sox? Finalmente!!  Eu admito que estava muito decepcionado com o time.  Isso, antes dos Sox vencerem 13 de 14 jogos incluindo os últimos 9.  Os arremessadores da equipe têm jogado muito, cedendo apenas 32 corridas nos últimos 14 jogos.

Os White Sox chegaram a ficar perto de 10 jogos atrás do líder Minnesota Twins, mas agora estão apenas 2.5.  São 37 vitórias e 34 derrotas.
Eu olho nessa rotação titular do Chicago e vejo perigo para os adversários.  Gavin Floyd, John Danks, Jake Peavy, Mark Buerhle são excelentes.  Floyd tem desapontado com apenas 2 vitórias e 7 derrotas.  Peavy também não impressiona com 6 e 5.  Agora, é o seguinte, esses dois têm um bom currículo e podem engrenar a qualquer momento.  E outra, não podemos esquecer do Freddy Garcia que tem 8 vitórias e tem ajudado bastante.

Será que é agora que a equipe vai deslanchar de vez??

O negócio está começando a ficar bonito para Ozzie Guillen e os White Sox.

Autor: Tags: , , , , ,

domingo, 13 de junho de 2010 MLB - Beisebol | 17:09

DIA DE FOLGA EM BOSTON…JOGO DOS RED SOX OU PASSEIO PELA CIDADE?

Compartilhe: Twitter

Hello, Fenway Park!

Jogo do Red Sox! Com certeza.

Na sexta-feira eu acordei tarde.  Fiquei a madrugada inteira mandando vídeo pra ESPN e eu queria descansar um pouco.  Minha garganta já estava começando a me incomodar, não estava comendo direito e queria dar uma relaxada.  Levantei as 13h e liguei o computador.  Entrei no blog pra colocar um post sobre as Finais da NBA e depois decidi dar uma saídinha pra fazer um shopping ou passear pela cidade.  Subi no “shuttle” do Hotel Hyatt Harborside pra pegar uma carona até o metrô. Se eu fosse pegar um taxi até a Newbury Street (melhor lugar pra fazer shopping em Boston e eu precisava comprar um suéter), eu pagaria uns 40 dólares.  Pegar o metrô é simples e só custa 2 dólares.  Enfim, no shuttle conheci um casal com dois filhos pequenos.  Admito que não tenho tanta paciência assim com crianças (na verdade eu tenho menos do que pouca paciência, mas beleza) mas esses dois meninos pareciam bonzinhos.  Comecei a conversar com o casal e eles falaram que estavam a caminho do Fenway Park pra assistir a Philadelphia Phillies e Boston Red Sox.

Comecei a ficar pensativo…suéter ou beisebol?…Red Sox ou shopping?…Newbury Street ou Landsdowne Street?  Eles falaram que tinham um ingresso sobrando e que eu poderia sentar com eles.  O ingresso custava 51 dólares e eu pagaria 40. Ok!  Decidi mudar meus planos e fui pro Fenway Park.

Fenway Park é o estádio mais velho da MLB.  Foi construído em 1912.

Fenway Park é o estádio mais velho da MLB. Foi construído em 1912.

Lindo Fenway Park.

Pegamos o metrô juntos (eu quase saí na estação errada mas o François (nome do pai) me salvou dessa).  Chegamos na estação “Kenmore” e andamos alguns quarterões até o Fenway Park.

Andando até o Fenway Park.  Imagens da parte de trás do "Green Monster".

Andando até o Fenway Park. Imagens da parte de trás do "Green Monster".

Chegamos atrasados.  Quando eu estava subindo pro meu assento, o Mike Lowell estava batendo um Home Run pra deixar o jogo 5 a 0 pros Red Sox na primeira entrada.  Minutos depois, estávamos sentados.  O meu banco ficava na frente dos bancos dos meus novos amigos.  Eu sentei no banco 28 da fileira 8 na Sessão 3.  O banco fica bem além do muro direito e a minha visão não era nada privilegiada.  Tinha um poste (que parecia do tamanho de um prédio) e atrapalhava a visão.  Além disso, eu levava  chutes a cada 10 minutos do menininho (esqueci o nome dele) que estava atrás de mim.  Dica pra quem for ao Fenway Park: o estádio é antigo e tem muitos assentos que são obstruídos por pilares, atrapalhando a visão.  E quem quiser conforto, fique em casa.  Os assentos são duros e bem velhos. Tome cuidado quando for comprar o seu ingresso!

Meu assento. Novo em folha!! Esse, acho que foi construído antes de 1912.

Sai da frente 3!

Pede pra sair Seu 3!!! Pede pra sair!

O que realmente vale a pena é fazer parte de um ambiente diferenciado.  O torcedor lota o estádio (são mais de 470 jogos consecutivos com casa cheia) e vibra muito.  Nessa partida, o arremessador Tim Wakefield foi homenageado e  ovacionado.  Wakefield, recentemente, quebrou o recorde de maior número de entradas arremessadas na história do Boston.  Vendedores de amendoins e cachorros quentes passam pelas fileiras com muita  empolgação.  O burburinho, a energia dentro do estádio, fazem com que essa experiência seja muito especial.

Um amendoim por favor.

Um amendoim por favor!

Tim Wakefield homenageado no jogo dessa última sexta-feira.

Tim Wakefield homenageado no jogo dessa última sexta-feira.

Pra quem quiser fazer compras, beber uma cerveja ou sentar num restaurante, o passeio vai te agradar bastante.  Tem muitos restaurantes colados no estádio e diretamente ao lado do Fenway, tem uma loja GIGANTE com tudo que o torcedor poderia querer (eu comprei várias coisas).

"Shopping" do Red Sox

O Jogo em si foi uma maravilha para o torcedor.  12 a 2 foi o placar final.  Jamie Moyer, arremessador dos Phillies, teve o pior jogo de sua carreira cedendo 9 corridas em uma entrada.  Moyer tem 47 anos e joga a 24.  Além de Mike Lowell, outros jogadores dos Red Sox também se destacaram.  Adrian Beltre, David Ortiz, Dustin Pedroia, e Victor Martinez estavam com o bastão calibrado e foram alguns dos responsáveis pela grande vitória.

Jogadores comemorando a vitória em cima dos Phillies.

A antiguidade misturada com a modernidade. Visão privilegiada!

A antiguidade misturada com a modernidade. Visão privilegiada!

Meus novos amigos gostaram tanto do jogo (eles são sul-africanos e moram no Canadá) que o filhinho mais velho sentou no chão e não quis embora depois do jogo.  Foi bem bacana.  Recomendo!

Autor: Tags: , ,

  1. Primeira
  2. 1
  3. 2
  4. 3
  5. 4
  6. 5
  7. Última